Mariangela alerta para violência contra mulheres e crianças na pandemia

 

Além do cuidado para com a saúde, o período de distanciamento social traz um outro grave problema: a aumento de casos de violência contra a mulher. Essa informação foi levada à tribuna pela vereadora Mariangela Mussolini (MDB) e explicou que conforme nota do Ministério Público, a casa é local mais perigoso para uma mulher, já que a maioria dos feminicídios ocorre no lar.

Além do sexo feminino, as crianças e adolescentes também são vítimas de abuso e o índice tende a aumentar. A vereadora alertou também para sinais como depressão, ansiedade, falta de apetite e outras mudanças comportamentais podem ser indícios de que o menor sofra algum tipo de abuso.

X

Desculpe-nos

Não é permitido download