Chanel classifica Prefeito como o Mentiroso do Ano

O vereador Chanel (SD) voltou a tecer críticas ao prefeito Fernando Galvão (DEM), a quem chamou de Mentiroso do Ano, pelas constantes afirmações equivocadas anunciadas nos últimos meses.

Chanel explicou que o chefe do Executivo tenta colocar a culpa em tudo o que acontece no poder Legislativo, mas a Câmara – após votação no ano anterior – abriu mão de R$1,9 milhão que ficou no orçamento da Prefeitura. E desde a reeleição do governo Galvão, a Casa de Leis já economizou mais de R$12 milhões, dinheiro esse que sempre é devolvido no fim do ano de acordo com a legislação.

Desmentida pelo vereador, foi a afirmação do prefeito de que pela primeira vez Bebedouro teria UTI pública, mas Chanel disse que no tempo da Santa Casa e da Inauguração do Hospital Municipal, a cidade já contou com leitos de UTI.

Outro fato classificado como mentiroso e preocupante foi dizer que o local onde abrigava o antigo Laranjão seria utilizado para um hospital de campanha, mas o local será utilizado pelo mercado Iquegami. A situação, de acordo com Chanel, é preocupante, pois ao mentir para Justiça e para o Laranjão, a prefeitura poderá sofrer ação judicial e a população mais uma vez pagará a conta. “Por isso não recebeu a comissão da Câmara, passando as pessoas para trás. Esse é o senhor prefeito que age de má fé, um oportunista de plantão”.

O vereador lembrou ainda dos 400 empregos anunciados que viriam com a instalação de empresas na cidade, mas esses empregos não ocorreram. Por fim, o edil criticou as demissões ocorridas com a frente de trabalho e estagiários, além da tentativa inconstitucional de enviar para Câmara um projeto de redução de salário dos cargos comissionados em ano eleitoral. A atitude foi considerada pelo vereador como um jogo, visto que o prefeito é professor de direito e sabe que não poderia reduzir os vencimentos dos funcionários.

X

Desculpe-nos

Não é permitido download