Psicóloga Marli Pinotti receberá título de cidadania nesta sexta-feira

Em cumprimento ao Decreto Legislativo nº 570, de 7 de outubro de 2019, de autoria do vereador Nasser José Delgado Abdallah (Rede), o Engenheiro Nasser, a Câmara Municipal de Bebedouro promove sessão solene nesta sexta-feira (25), a partir das 20h, para a entrega do título de cidadania bebedourense à psicóloga Marli Pinotti. 
 
Natural de Matão, Estado de São Paulo, Marli Pinotti cresceu ouvindo histórias de Bebedouro e, praticamente, todos os anos, sua família vinha participar da quermesse de São João Batista e da FECCIB, mantendo desta forma, um forte vínculo afetivo, desde criança, com a cidade de Bebedouro.
 
Marli formou-se em psicologia, no ano de 1993, pela Faculdade do Sagrado Coração (USC) de Bauru. Após sua formatura, veio para Bebedouro acompanhando a irmã, dra Sueli Pinotti, que havia sido convidada para trabalhar na cidade como reumatologista. 
 
Com as habilitações de psicologia escolar, clínica e organizacional, Marli foi contratada para trabalhar como psicóloga no Colégio Soares de Oliveira em Bebedouro e professora da disciplina de Psicologia da então FAFIBE, atuando paralelamente, como psicóloga clínica.
 
Em 1996 foi transferida para Barretos, onde implantou a Psicologia Escolar no Colégio Soares de Oliveira daquela cidade. Foi docente dos cursos de Pedagogia, Ciências Contábeis, Letras e Pós-graduação em Psicopedagogia Clínica e Institucional tanto na ACEB (Associação Cultural e Educacional de Barretos) bem como no ISEB (Instituto Superior de Educação de Barretos).
 
Em 2000, especializou -se em Neuropsicologia, pela UNIFESP (Universidade Federal do Estado de São Paulo). Foi formanda da primeira turma de neuropsicologia do Brasil. Fez especialização em Neuropsicologia, Diagnóstico e Avaliação Educativa na Universidade de La Corunã – Espanha. Especializações:  em Educação Especial; Psicologia Escolar; Análise do Comportamento Aplicada (ABA) e Psicopedagogia.
 
Em 2007 retornou a Bebedouro e iniciou seu trabalho na Unimed. Junto a mais 3 psicólogas, formou a UNIPISI (União de Psicólogos), a qual foi pioneira no atendimento de psicologia na Unimed.
 
A convite da diretoria da Unimed, ministrou palestras para médicos orientando sobre a importância da neuropsicologia, tanto para o diagnóstico, como para a reabilitação de pacientes.
 
Como psicóloga com especialização em neuropsicologia, atua na avaliação de crianças com dificuldade na aquisição de linguagem, leitura, escrita, desatenção, agitação, agressividade e baixo desempenho escolar, trabalhando e resolvendo transtornos de comportamento e de desenvolvimento neuropsicomotor, para que as crianças bebedourenses se tornem adultos saudáveis.