Câmara entregará título de Cidadão Ilustre ao capitão da PM Flavio Mira D’Arbo

Câmara entregará título de Cidadão Ilustre ao capitão da PM Flavio Mira D’Arbo G1

Os vereadores aprovaram o título de Cidadão Ilustre ao capitão da Polícia Militar Flavio Mira D’arbo. A iniciativa partiu do vereador Artur Henrique reconheceu o trabalho do profissional junto à comunidade, além e ser uma figura importante na luta pela segurança em Bebedouro.

Histórico:

 

Flavio Mira D’Arbo, Capitão da Polícia Militar do Estado de São Paulo, casado com Ieda Wohnrath D’Arbo. Pai de Felipe Wohnrath D’Arbo e Gabriel Wohnrath D’Arbo. É nascido, residente e domiciliado na cidade de Bebedouro.

Em 13 de dezembro de 1996, foi diplomado Bacharel em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública pela Academia de Polícia Militar do Barro Branco.

Em 09 de janeiro de 2003, foi diplomado Bacharel em Direito pela Fundação Educacional de Barretos.

Em 18 de março de 2016, recebeu o título de Mestre em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, concedido pela Diretoria de Ensino e Cultura da Polícia Militar do Estado de São Paulo, após haver concluído com aproveitamento o programa de mestrado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, realizado sob a responsabilidade da Academia de Polícia Militar do Barro Branco.

 Capitão da Polícia Militar do Estado de São Paulo teve como sua primeira unidade o 13º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano, com sede na capital paulista; posteriormente exerceu o comando da 3ª Companhia do 33º Batalhão de Polícia Militar do Interior e atualmente está lotado no 38º Batalhão de Polícia Militar do Interior, sediado na cidade de São Carlos, onde exerce a função de subcomandante interino do Batalhão, cuja responsabilidade territorial inclui, além do município de São Carlos, as cidades de Ribeirão Bonito, Ibaté, Dourado, Descalvado, Santa Rita do Passa Quatro e Porto Ferreira.

Flavio Mira D’Arbo, Capitão da Polícia Militar, reside no município; sempre atuou de forma ímpar para diminuição dos índices criminais e aumento da sensação de segurança da comunidade local, participando ativamente de reuniões com a população através do Programa Vizinhança Solidária e Conseg, dentre outras.