População pagará por denúncia arquivada, garante Chanel

População pagará por denúncia arquivada, garante Chanel

O presidente da Câmara, vereador Chanel (SD), usou a tribuna para falar do arquivamento do processo que julgava o SAAEB por uma obra no lago. De acordo com a denúncia, teria havido desvios de verbas. Chanel lembrou que os vereadores foram pressionados a aceitarem a denúncia que tinha apenas motivação política.

A investigação foi recebida pelo Ministério Público e após dois anos de investigação com pessoas técnicas, a denúncia foi arquivada. O presidente ressaltou que as mesmas pessoas que participaram da investigação Alba Branca também fizeram parte da investigação do SAAEB.

Chanel lembrou que muitos fizeram julgamentos precipitados e condenaram pessoas que foram absolvidas pela justiça. Ele lamentou ainda que algumas pessoas tenham usado a tribuna para manipular e induzir pessoas ao erro. Ele disse que no lugar de tentar ganhar no tapetão, é preciso mostrar serviço à população de Bebedouro.

Por fim, ele disse que duas pessoas foram injustiçadas: o diretor do SAAEB Gilmar Feltrin e o empresário José Luiz Mazola que além do prejuízo moral ao ter o seu nome associado à denúncia também teve que pagar funcionários mesmo tendo o trabalho interrompido.

Entretanto, Chanel explicou que a população pagará a conta mais uma vez, já que o empresário moverá ações contra o município por perdas. O presidente apelou para que as pessoas não sejam induzidas e para terem cuidado ao lidar com a reputação de alguém, já que os moradores de Bebedouro merecem respeito.