Tia Rita do Artsol tem nome perpetuado em praça do Jardim Alvorada

Tia Rita do Artsol tem nome perpetuado em praça do Jardim Alvorada

Vereador Juliano é um dos autores da proposta Vereador Juliano é um dos autores da proposta Foto: Assessoria de Imprensa/Câmara
Maria Rita Marques de Freitas, a Tia Rita do Artsol, foi homenageada na última sessão com o nome da praça no bairro em que escreveu a sua história: no Jardim Alvorada. A antiga praça do Trabalhador Rural teve o seu nome alterado para Tia Rita em homenagem a uma das fundadoras do ArtSol.
 
A iniciativa partiu dos vereadores Juliano Cesar (PSD) e Fernando Piffer (PSDB) e contou com apoio unânime dos demais vereadores. Confira a seguir um pouco da história da homenageada:
 
Tia Rita, assim como era chamada carinhosamente por todos, com formação voltada para o Magistério, se uniu a um grupo de amigos com interesses comuns e então surgiu o Artsol, fundada por Simone Alencar e Maria Rita em 06 de junho de 2006, sem fins lucrativos, a entidade que já existia desde o ano de 2003, passou oficialmente a atender cerca de 300 crianças e 110 famílias por meio de projetos educacionais, culturais e artísticos.

O terreno para a construção da sede da entidade foi doado por Maria Rita e seu esposo Pedro Sérgio de Freitas, terreno de 300 metros quadrados que posteriormente foi leiloado com renda revertida para a construção da sede em um terreno maior cedido pela Prefeitura.

Rita faleceu aos 49 anos em 10 de janeiro de 2017, deixando três filhos: Aline, Ariane e José Augusto.