Chanel exige atitude para disciplinar circulação de caminhões de cana

Chanel exige atitude para disciplinar circulação de caminhões de cana

Chanel exige atitude para disciplinar circulação de caminhões de cana Foto: Assessoria de Imprensa/Câmara
O presidente da Câmara de Bebedouro, vereador José Baptista de Carvalho Neto (SD), o Chanel, voltou a cobrar – na tribuna, de forma veemente – uma atitude do prefeito Fernando Galvão Moura para pôr fim à polêmica em torno da circulação de caminhões transportando cana ou outros produtos agrícolas na zona sul da cidade, sobretudo pelas ruas do bairro Jardim São Carlos.
 
Em seu discurso, Chanel mencionou a disposição de um produtor rural em ceder área de sua propriedade para o escoamento da produção, mas que por falta de sensibilidade de outro colega produtor, a polêmica não tem fim e, desta forma, os veículos de grande porte continuarão circulando por ruas do Jardim São Carlos para acessarem a rodovia.
 
De acordo com Chanel, é preciso uma providência urgente, considerando que nos próximos dias a Rua Henrique Teixeira de Carvalho estará fechada por tempo indeterminado para serviços de implantação de galerias pluviais. “Falta pulso firme”, cobrou o vereador.
 
A obra é uma reivindicação antiga dos moradores daquele setor da cidade, que há mais de duas décadas sofrem com as fortes chuvas e vias públicas destruídas. O problema é agravado com a circulação de veículos de grande porte como caminhões transportando cana-de-açúcar pelas ruas e avenidas do bairro, colocando em risco a segurança e saúde dos moradores.
 
Ao concluir, Chanel afirmou que gostaria de contar com o bom senso do Poder Público, e do produtor rural, que insiste em não permitir que um pequeno trecho de sua propriedade seja utilizado pelos caminhoneiros para chegarem à rodovia Brigadeiro Faria Lima.
 
O presidente ainda denunciou o fato de um viaduto construído pelo Governo do Estado naquele local estar beneficiando apenas uma propriedade rural ao não possibilitar acesso às demais localidades.